Eleição e predestinação

“Reconhecendo, irmãos, amados de Deus, a vossa eleição,” (1 Tessalonicenses 1:4); “assim como nos escolheu nele antes da fundação do mundo, para sermos santos e irrepreensíveis perante ele; e em amor nos predestinou para ele, para a adoção de filhos, por meio de Jesus Cristo, segundo o beneplácito de sua vontade” (Efésios 1:4,5)

– Eleição

A escolha por Deus daqueles que crêem em Cristo é uma doutrina importante (Romanos 8:29-33; 9:6-26; 11:5,7,28; Colossenses 3:12; 2 Tessalonicenses 2:13; Tito 1:1). A “eleição” (gr. eklegoe) refere-se à escolha feita por Deus, em Cristo, de um povo para si mesmo, a fim de que sejam santos e inculpáveis diante dele (2 Tessalonicenses 2:13). Essa eleição é uma expressão do amor de Deus, que recebe como seus todos os que recebem seu Filho Jesus (João 1:12). A doutrina da eleição se apóia das seguintes verdades:

Continue lendo

Anúncios