Perdão

O Pai não desiste

Postado em Atualizado em

Quando Deus nos fala, precisamos estar atentos para ouvir, entender e compreender o que Ele quer de cada um de nós. É preciso ouvir ao Senhor, pois Ele é o nosso Pai. Não podemos desprezar seus conselhos, ensinamentos e ordens. Não temos como questionar aquele que criou todas as coisas, inclusive nossas vidas. Ele sabe muito bem o que precisamos, como devemos ser e o que devemos fazer.

Na parábola do filho pródigo (Lucas 15:11-32), vemos um filho rebelde, que não escutava seu pai. Não dava a mínima para seus conselhos e ensinamentos. Abandonou sua família e foi viver uma vida de maneira desordenada, não se preocupando com as consequências de seus atos.

Leia o resto deste post »

Anúncios

O destruidor

Postado em Atualizado em

O sábio disse que o perverso é espalhador de contendas, e o difamador é capaz de separar os maiores amigos em Provérbios 16:28.

Questões para meditarmos: Temos agido como algum destes? Vivemos a contender e espalhar contendas entre outros? Falamos de outras pessoas por detrás com outros, espalhando contendas e difamando-as, promovendo até a separação de grandes amigos?

Leia o resto deste post »

Ódio versus Amor

Postado em Atualizado em

Um dos piores sentimentos que alguém pode nutrir em relação a outra pessoa é o ódio. Dentre as definições estão: aversão, raiva, rancor profundo e antipatia. Este sentimento é poderoso suficiente para produzir contenda, separando até os melhores amigos. Salomão disse que o “ódio excita contendas” (Provérbios 10:12a), ou seja, o ódio estimula, acelera e provoca contendas, até mesmo entre irmãos e pessoas que se amam.

Leia o resto deste post »

Sendo de Deus e se livrando do jaz

Postado em Atualizado em

João disse que “somos de Deus e… o mundo inteiro jaz no maligno” (1 João 5:19). Duas questões nesta afirmação do apóstolo: 1) Como saber se somos de Deus; e 2) O que jaz no maligno?

Leia o resto deste post »

Novidade de vida

Postado em Atualizado em

O apóstolo Pedro desafiou seus leitores a terem um “procedimento correto entre os gentios” (1 Pedro 2:11,12).

A Bíblia diz que “todos pecaram e carecem da glória de Deus” (Romanos 3:23), porém, quando atendemos ao chamado de Cristo para nos tornarmos filhos de Deus, arrependemos e confessamos os nossos pecados, confessamos nossa fé em Jesus como Filho de Deus e somos imersos em água para remissão de pecados onde recebemos a presença e o selo do Espírito Santo, devemos andar em “novidade de vida” (Romanos 6:4).


Leia o resto deste post »