Palavra de Deus

Calando um pregador

Postado em Atualizado em

Existem duas formas de calar um pregador da palavra de Deus: Primeiro, ele se corromper e se acovardar, recuando, deixando de falar toda a verdade, e com o tempo abandonando-a por completo. Segundo, ele ser morto* – Não literalmente, como na Antiga Aliança e nem como no início da igreja, mas “matando-o” no coração, o isolando, pressionando e perseguindo até ele desistir e morrer espiritualmente.

Estêvão – o helenista – no final de seu desafiador discurso frente aos líderes judeus pronunciou: “Homens de dura cerviz e incircuncisos de coração e de ouvidos, vós sempre resistis ao Espírito Santo; assim como fizeram vossos pais, também vós o fazeis. Qual dos profetas vossos pais não perseguiram? Eles mataram os que anteriormente anunciavam a vinda do Justo, do qual vós agora vos tornastes traidores e assassinos, vós que recebestes a lei por ministério de anjos e não a guardastes. Ouvindo eles isto, enfureciam-se no seu coração e rilhavam os dentes contra ele. E apedrejavam Estêvão, que invocava e dizia: Senhor Jesus, recebe o meu espírito!” (Atos 7:51-54,59)

Leia o resto deste post »

Anúncios

Optando pela verdade

Postado em Atualizado em

O rei Acabe além de jogar e brincar com a verdade, ele também a rejeitou. Quando sentenciou a Micaías – profeta genuíno de Deus – ao cárcere, ordenando angustia-lo “com escassez de pão e de água” (1 Reis 22:27), ele por fim rejeitou a verdade da palavra de Deus, convicto que voltaria são e salvo da batalha contra os Sírios; ele disse: “até que eu volte em paz” (1 Reis 22:27).

Leia o resto deste post »

Tão certo como vive o Senhor

Postado em Atualizado em

Micaías era um autêntico profeta de Deus, um homem de compromisso. Seu compromisso era com Deus, o Criador do universo (YHWH). Ele disse antes no embate com o rei de Israel Acabe: “Tão certo como vive o Senhor, o que o Senhor me disser, isso falarei” (1 Reis 22:14).

A atitude do profeta deveria ser de todos aqueles que pregam e ensinam a palavra de Deus: não dizer nada particularmente seu, mas transmitir na íntegra a vontade soberana do SENHOR. Para isso é necessário conhecer a Deus e sua vontade, do contrário as palavras não passarão de falatório, fábulas e ilusões.

Leia o resto deste post »

Que tipo de coração

Postado em Atualizado em

O rei de Israel Acabe colocou em seu coração o propósito de retomar a cidade de Ramote-Gileade das mãos dos Sírios, em um combate contra a vontade de Deus (1 Reis 22:1-40). Ele convidou o bom rei de Judá, Josafá e consultou seus próprios profetas [400 homens] sobre a batalha; ouvindo deles a confirmação e o aval para o combate. Porém, Josafá não ficou contente, questionando Acabe se não haveria um profeta de Deus para ser consultado a respeito da batalha. Contra a vontade de Acabe, Micaías foi chamado.

Leia o resto deste post »

Recusando a Palavra

Postado em Atualizado em

O rei de Israel, Acabe, brincou, jogou e recusou a verdade de Deus e teve um fim trágico (1 Reis 22:34-38). Ele abusou da longanimidade de Deus recusando dar ouvidos aos profetas do SENHOR; Elias e também Micaías. Brincando e jogando com a verdade, o rei de Israel recusou a Palavra do SENHOR, que é vida, e vida “em abundância” (João 10:10); quem a recusa, recusa ter vida em si mesmo. Infelizmente, as consequências para o rei foram trágicas resultando em um povo que “não têm pastor” e “não têm dono” (1 Reis 22:17).

Leia o resto deste post »