salmo-11918

Desvenda os meus olhos

“Desvenda os meus olhos, para que eu contemple as maravilhas da tua lei” (Salmo 119:18)

– O servo obediente suplica a Deus que tire a “cegueira” dos olhos para contemplar as santas palavras. Muitos ainda estão com os olhos vendados, ou por que ainda não foram retiradas as “vendas” ou porque não querem que sejam retiradas.

O prazer do cristão é admirar, meditar, refletir e colocar em prática os ensinamentos do Senhor. O discípulo fiel mantém os olhos abertos para toda e qualquer instrução de Deus e “fecha-os” para as coisas abomináveis deste mundo.