O homem cristão no lar – I

Servindo como cabeça
O homem a serviço do rei Jesus

Efésios 5:22-6:4 é um texto muito bom para nos apoiarmos e aprendermos sobre os papéis individuais no casamento. Paulo instruiu a todos os membros do lar neste trecho e antes deixou algo muito importante que devemos levar em consideração: “sujeitando-vos uns aos outros no temor de Cristo” (v. 21). Sujeição não parece ser uma palavra que esteja entre as primeiras do nosso vocabulário, mas o apóstolo aqui mostrou que precisa estar (1 Coríntios 15:26-28; Tito 2:1,2; Tiago 4:7; 1 Pedro 2:13-17). Sujeição nos lembra de submissão e isto nos faz pensar que é algo direcionado somente as mulheres, certo? Errado! Sujeição está ligado à vida cristã e atinge a todos; na igreja, na vida e no lar. Submissão tem a ver com humildade e não com inferioridade. Se não estamos dispostos a nos sujeitar, tão pouco estaremos preparados para assumir um lar como Deus quer e deseja (ver apêndice).

Jesus é o rei dos reis; ele nos chama a servi-lo e a partir do momento que aceitamos seu convite nos submetendo ao batismo, passamos a ser seus súditos, seus servos (1 Timóteo 6:13-16). Serviço é a palavra de ordem na vida cristã (João 6:27; Lucas 10:2; Judas 3), e o lar é onde começamos servindo ao rei. No lar encontramos várias formas de servir: servimos como cabeça, servimos como marido, servimos como pai e servimos como filho. Estamos dispostos a servir?

Continue lendo

Anúncios