Submissão como convém no Senhor

Postado em Atualizado em

“Esposas, sede submissas ao próprio marido, como convém no Senhor” (Colossenses 3:18).

– Submissão é obediência; é uma atitude voluntária de ceder, cooperar, assumindo a responsabilidade, carregando um fardo. Submissão é submeter espontaneamente a vontade de outrem; é estar sujeito a missão do outro. A submissão feminina não tem a ver com inferioridade, ou seja, que o homem é superior a mulher. Diante de Deus, ambos são absolutamente iguais. Porém, o Senhor estabeleceu limites de responsabilidade dentro do lar para que haja ordem, decência, disciplina, temor, e sobretudo, amor.

Na igreja a ordem é a seguinte: Deus é o cabeça de Cristo; Cristo é o cabeça do homem, e o homem é o cabeça da mulher. A mulher é sujeita ao homem, assim como o homem a Cristo, e Cristo a Deus Pai. “Quero, entretanto, que saibais ser Cristo o cabeça de todo homem, e o homem, o cabeça da mulher, e Deus, o cabeça de Cristo” (1 Coríntios 11:3).

No lar basicamente encontramos a mesma ordem de responsabilidade: a mulher esta sujeita ao homem; o homem a Cristo, e consequentemente Cristo a Deus Pai. “As mulheres sejam submissas ao seu próprio marido, como ao Senhor; porque o marido é o cabeça da mulher, como também Cristo é o cabeça da igreja, sendo este mesmo o salvador do corpo.  Como, porém, a igreja está sujeita a Cristo, assim também as mulheres sejam em tudo submissas ao seu marido” (Efésios 5:22-24).

A missão básica do marido é levar toda a sua família a obediência de Cristo; ao homem é dada a liderança espiritual no lar. A esposa submissa auxilia o marido nesta belíssima tarefa dada por Deus. A mulher que não se submete está fora da vontade soberana do Criador.

É uma honra para a mulher estar sujeita ao homem no lar. A esposa que se submete a liderança do marido se submete na verdade a Deus, pois Ele é o Cabeça de todos. A esposa submissa ao marido está convenientemente dentro da vontade daquele que criou a família: Deus, o Criador do universo. Ser submissa “convém no Senhor”; e isto não é apenas para a mulher, pois o homem também precisa estar submisso a Cristo e a Deus Pai.

Esposa quer ser abençoada? Submeta-se espontaneamente ao seu marido e assim glorifique ao Senhor. Deus seja louvado e exaltado pelas mulheres piedosas em nossos lares; e os maridos não se esqueçam que eles devem amar suas esposas como Cristo ama e cuida de sua igreja. “Maridos, amai vossa mulher, como também Cristo amou a igreja e a si mesmo se entregou por ela” (Efésios 5:25).

Anúncios

4 comentários em “Submissão como convém no Senhor

    Joselito Rodrigues de Carvalho disse:
    27 dezembro, 2011 às 11:38

    Gostaria de salientar que aliado a tudo isto, está a humildade de todos nós que servimos, somos simplesmente servos, e esta servidão deve ser precedida da humildade pois sem ela nós não aceitamos as condições dadas por Deus Criador. Sendo assim ressalto que na nossa oração possamos pedir ao Criador que não nos deixe nos exaltar nem ensobercermos ou mesmo, longe de nós, qualquer coisa que nos tire dos pés da cruz de Jesus Cristo que deixou toda a condição dos altos céus e se humilhou na condição terrena enfermando para resgatarnos da morte eterna.

    Elcio Marcio respondido:
    5 março, 2013 às 9:54

    Concordo Joselito! Nenhum marido deve achar que, com a submissão da esposa, ele a deva tratar como se fosse seu dono, agindo como um tirano. No verso posterior (3:19) Paulo ressaltou que ele precisa amá-la (“amai”, que está no imperativo, ou seja, ele deve amá-la em toda e qualquer circunstância), e não tratar com amargura. O fato da mulher ser submissa ao marido, gera uma responsabilidade ainda maior ao homem, pois no final, Deus cobrará dele como a tratou. Nós como igreja (a noiva de Cristo) somos amados e tratados com todo carinho, zelo e dedicação pelo Noivo, Cristo Jesus. Apesar da igreja ser submissa a Ele, o Senhor não a trata com amargura, pelo contrário, Ele a ama e amou a tal ponto que deu sua vida por ela. Cristo é o marido perfeito, se queremos ser perfeitos, sigamos seu exemplo.

    Jean disse:
    22 abril, 2014 às 14:19

    A palavra de Deus é perfeita, pois o amor é a resposta da submissão e a submissão a resposta do amor. Na vida conjugal não existe AMOR VERDADEIRO sem submissão, e nem SUBMISSÃO VERDADEIRA sem amor.

      Elcio Marcio respondido:
      22 abril, 2014 às 17:38

      Gostei muito do seu comentário Jean. Obrigado por sua participação.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s