Muitos entram no caminho da fé em Cristo pensando que navegará em um mar de rosas a vida inteira, e quando a primeira prova vem, abandonam o barco. Porém, esquecem que quando Jesus entra no “barco”, a tempestade pode vir, mas ela passa: “E subiu para o barco para estar com eles, e o vento cessou. Ficaram entre si atônitos” (Marcos 6:51).

“Bem-aventurado o homem que suporta, com perseverança, a provação; porque, depois de ter sido aprovado, receberá a coroa da vida, a qual o Senhor prometeu aos que o amam.” (Tiago 1:12)

Provação fez parte do cotidiano daqueles que serviram a Deus, e inúmeros fatos estão descritos em Sua palavra. Abraão, Noé, o apóstolo Paulo, dentre outros servos de Deus, e o próprio Senhor Jesus Cristo, passaram por provas e foram aprovados segundo seu testemunho, fé e obediência ao Pai eterno.

Muitos não estão interessados nesta parte das escrituras, onde claramente de vê que seguir a Cristo é para poucos; os poucos que acertam com o “apertado caminho” que leva a “porta estreita” da salvação em Cristo Jesus (conforme Mateus 7:13,14). O Senhor nos chama a sofrer por Ele, e quem não está disposto a enfrentar todo tipo de situação neste mundo por causa dele, não faz parte de seu ministério.

“Então, disse Jesus a seus discípulos: Se alguém quer vir após mim, a si mesmo se negue, tome a sua cruz e siga-me.” (Mateus 16:24)
“… quem não toma a sua cruz e vem após mim não é digno de mim.” (Mateus 10:38)
“Ninguém que, tendo posto a mão no arado, olha para trás é apto para o reino de Deus.” (Lucas 9:62)

Não busque o “mar de rosas”, busque servir a Deus com fidelidade e compromisso, como outros servos de Deus o fizeram, e se a provação vier, suporte-a com convicção e certeza que Deus está contigo, pois esteve com todos que vieram antes de você.