Não as ilusões

Postado em Atualizado em

Micaías, assim como outros autênticos profetas de Deus [vale lembrar que o rei Acabe tinha seus próprios profetas, e neste caso, quatrocentos] não se dobravam ao desejo humano, e não se corrompiam como os demais.

“Respondeu Micaías: Tão certo como vive o Senhor, o que o Senhor me disser, isso falarei.” (1 Reis 22:14)

Quem realmente serve aos propósitos de Deus precisa transmitir na íntegra a vontade do SENHOR, assim como Micaías o fazia, trazendo o desgosto do perverso rei sobre ele (1 Reis 22:8) – quem pratica coisas erradas e contrárias a vontade de Deus nunca quer se aproximar da luz, mas prefere as trevas para encobrir seus pecados.

O mensageiro que Acabe enviou para chamar Micaías – o qual só foi chamado por que o bom rei Josafá, não satisfeito com as predições dos profetas do rei Acabe, queria ouvir um verdadeiro profeta de Deus sobre a batalha, que Acabe queria travar, para retomar a cidade de Ramote-Gileade das mãos do Sírios (1 Reis 22:7) -, tentou instruir ao profeta que não falasse nada contra o rei desta vez (1 Reis 22:13), mas Micaías, que respondeu ao chamado (1 Reis 22:15), não se deixou levar pela astúcia humana, preferindo obedecer a Deus, transmitindo somente o que SENHOR quisera (1 Reis 22:14).

O rei Acabe, assim como grande parte do povo de Israel queria satisfazer-se com ilusões (1 Reis 22:6,12; Isaías 30:10), preditas por seus próprios profetas em detrimento da verdade, verdade esta, que era proferida somente por profetas de Deus, como Micaías.

Nos dias atuais, existem “profetas” (mensageiros; pregadores) ocasionais, que transmitem, não a vontade de Deus – a verdade – , mas ilusões em nome de Deus, as quais encontram nos corações dos homens que não clamam por justiça, transformação e mudança, um perfeito habitat, transformando-os em meros religiosos, que acabam mudando “a verdade de Deus em mentira, adorando e servindo a criatura em lugar do Criador, o qual é bendito eternamente. Amém!” (Romanos 1:25).

Jesus não fundou uma religião, fundou a sua gloriosa igreja – o reino de Deus na terra (Colossenses 1:13,14) -, e quem nela se ingressa, por meio da fé em Cristo, o arrependimento, a confissão e a imersão em água para remissão de pecados (Atos 2:38), tem sede de justiça, da verdade, e do amor, que só Deus através de Seu Filho e Sua palavra gloriosa podem suprir. As ilusões distraem os homens e os afogam em um mar de inverdades afastando-os de Deus; mas, pelo contrário, a palavra de Deus, transforma vidas, pois o evangelho é “o poder de Deus para a salvação de todo aquele que crê” (Romanos 1:16).

Diga NÃO as ilusões dos homens e SIM para a verdade da palavra de Deus.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s