Qual a minha participação no reino de Deus?


ou como devo participar neste reino?

É necessário saber e lembrar que a igreja é o reino de Deus na terra conforme Colossenses 1:13,14. A forma de entrar neste reino – a igreja de Deus e/ou a igreja de Cristo – é pelo reconhecimento que Jesus é o Filho de Deus, onde Ele se torna Senhor e Salvador da pessoa arrependida; ela então, é imersa nas águas para remissão de pecados, onde recebe a presença do Espírito Santo – o dom do Espírito; selo – e passa ter uma nova vida de comunhão, temor e obediência a Deus.


Texto base: Romanos 12:1-16

Continue lendo

Anúncios

Eles não entram e não deixam entrar

É por causa de homens que se autodenominam “apóstolos”, “pastores e mestres” que muitos não chegarão a Jesus e perderão a salvação. A sociedade ímpia e incrédula generaliza a “fé” e pensa que tudo ligado ao cristianismo é isto que estão acostumados a ver no mundo religioso atual; geralmente polêmicas e escândalos relacionados a dinheiro e a condutas contrárias a fé que professam ter. (A respeito de apóstolos e pastores ver notas 1 e 2 no final)

Não concordamos e não participamos de tais atos! O apóstolo Paulo disse que “todos pecaram e carecem da glória de Deus” (Rm 3:23); mas a verdade precisa ser dita. O julgamento pertence a Deus, mas como cristãos, não podemos ficar calados ante tamanho desvio da vontade de Deus (apostasia), gerando desta forma o desinteresse e afastamento de muitos que poderiam seguir e ser salvos por Jesus Cristo.

Continue lendo

Trabalhando pelo reino

“Vendo-o, pois, os discípulos dos profetas que estavam defronte, em Jericó, disseram: O espírito de Elias repousa sobre Eliseu. Vieram-lhe ao encontro e se prostraram diante dele em terra.” (2 Reis 2:15)

Segundo Reis capítulo 2 registra os momentos finais do profeta Elias neste mundo. Acompanhado por aquele que o substituiria – Eliseu -, este aprendiz de profeta ficou com ele até os instantes finais. O aprendiz fez um interessante pedido ao seu instrutor: “Peço-te que me toque por herança porção dobrada do teu espírito” (2 Reis 2:9b). A resposta do profeta Elias que se seguiu deve ter despertado a curiosidade de Eliseu: “Dura coisa pediste. Todavia, se me vires quando for tomado de ti, assim se te fará; porém, se não me vires, não se fará” (2 Reis 2:10). Talvez ele se perguntou o que seria “quando for tomado de ti”? Eliseu com certeza receberia a porção dobrada do espírito de Elias, pois o acontecimento seguinte comprovou a resposta do profeta: “Indo eles andando e falando, eis que um carro de fogo, com cavalos de fogo, os separou um do outro; e Elias subiu ao céu num redemoinho. O que vendo Eliseu, clamou: Meu pai, meu pai, carros de Israel e seus cavaleiros!” (2 Reis 2:11,12a). O verso 15 reforça que o pedido de Eliseu ao profeta foi correspondido: “O espírito de Elias repousa sobre Eliseu”.

Continue lendo

Prontidão

Prontidão

“Muitos são chamados, mas poucos, escolhidos.” (Mateus 22:14)

Deus quer usar a cada um de nós, porém, devemos estar cientes que Ele só usará de fato, aqueles que se colocam espontaneamente a sua disposição. Nada será forçado ou por mera obrigatoriedade. Se você não quer, Deus não te usará, mas se você quer, esteja pronto para ser usado por Ele poderosamente.

No entanto é importante salientar que Deus quer nos usar para fazer a Sua vontade, da maneira que Ele quer, com os recursos que Ele escolher e no tempo que Ele determinar. Muitas vezes achamos que o certo é o que nós queremos fazer, mas, na verdade, o certo é fazer o que Deus quer que seja feito. Outras vezes, pensamos que o certo é como queremos fazer, mas, na verdade, o certo é como Deus quer que seja feito.

Continue lendo