Lábios mentirosos

Provérbios 12.22

“Os lábios mentirosos são abomináveis ao SENHOR, mas os que agem fielmente são o seu prazer.” (Provérbios 12:22)

– Mentira, quem é seu pai? A Palavra de Deus responde: o diabo. “Ele foi homicida desde o princípio” e “nele não há verdade”; ele é “mentiroso e pai da mentira” (João 8:44). Quem vive mentindo – e desta forma se opõem a Jesus, o rejeita e ignora a Sua Palavra – tem a sentença dEle: “Vós sois do diabo, que é vosso pai” (João 8:44), porque satisfazem o desejo do diabo. Jesus, porém, é “o caminho, e a verdade, e a vida” (João 14:6) e ninguém vai ao Pai senão por Ele. Jesus falou a verdade que veio do Pai, mas aqueles que o rejeitaram, o perseguiram e o mataram, porque “amaram mais as trevas do que a luz; porque as suas obras eram más” (João 3:19); “amaram mais a glória dos homens do que a glória de Deus” (João 12:43).

A boca que profere mentiras é abominável ao Senhor, pois vai contra a sua natureza e a favor do inimigo, pois “quando ele [o diabo] profere mentira, fala do que lhe é próprio” (João 8:44b). A mentira engana, destrói e viola a vontade de Deus que só diz a verdade. A mentira é passiva de condenação e abominável ao Senhor, mas em Cristo, a Verdade, encontramos a vida e o caminho para a salvação.

O que apraz ao Senhor? Falar a verdade, sendo fiel em todas as coisas que Ele tem nos dado e ordenado através de Seu Filho, nosso Senhor Jesus Cristo. Agir com fidelidade ao Senhor lhe trás prazer; quem não quer ser aprazível a Deus? Infelizmente, muitos não compreendem isto e querem primeiramente agradar aos homens, seguindo e obedecendo “doutrinas que são preceitos de homens” (Mateus 5:9).

Que possamos estar bem longe da mentira, algo abominável ao Senhor, dizendo, obedecendo e vivendo pela verdade de Sua Palavra. E que a fidelidade a Deus seja algo notório em nossas vidas, pois isso é Seu prazer em Seus filhos.