Não te deixarei

Postado em Atualizado em

“Quando estava o Senhor para tomar Elias ao céu por um redemoinho, Elias partiu de Gilgal em companhia de Eliseu. Disse Elias a Eliseu: Ficaste aqui, porque o Senhor me enviou a Betel. Respondeu Eliseu: Tão certo como vive o Senhor e vive a tua alma, não te deixarei. E, assim, desceram a Betel.” (2 Reis 2:1,2)

“Amigos são maravilhosos. ‘Não é bom que o homem esteja só’ (Gênesis 2:18). Precisamos de pessoas perto de nós para nos animar a fazer o que é certo – amigos como Jônatas, que fortaleceu a mão de Davi em Deus (1 Samuel 23:16; tradução literal). Muitos de nós encontramos os melhores amigos cristãos dentro da própria família carnal: um cônjuge cristão, pais cristãos ou filhos cristãos. Se soubéssemos que este seria nosso último dia na terra, iríamos querer estar com esses amigos, em cuja presença é mais fácil sermos bons.” (David Roper – em “Elias” estudo sobre o profeta publicado por “Verdade para hoje”)

Como o David escreveu “precisamos de pessoas perto de nós para nos animar a fazer o que é certo”. Infelizmente muitos não aceitam uma amizade assim, pois pensam que um amigo deve concordar com tudo que ele faz e também que um amigo não deve ou não pode repreender e admoestar o outro.

Verdadeiros amigos agem como as descrições do David: ele nunca abandona seu amigo – mesmo que este o decepcione ou não concorde com ele – ; ele procura ajudá-lo em momentos de dor, dificuldade ou queda (ser amigo quando está tudo bem é muito fácil, mas o verdadeiro amigo é aquele que está presente ou não desiste, quando todos já o abandonaram); ele o repreende, admoesta e exorta a seguir o caminho de Cristo, como Cristo quer e não como o amigo “acha” melhor.

Muitos perdem verdadeiras amizades por puro egoísmo, infantilidade e orgulho. Não deixe que os verdadeiros amigos se vão, como as coisas que já aconteceram e não voltam mais. Faça com um amigo como Eliseu fez com Elias, “tão certo como vive o Senhor e vive a tua alma, não te deixarei.”

Anúncios

Um comentário em “Não te deixarei

    Jardel disse:
    5 setembro, 2011 às 20:21

    A verdadeira amizade é aquela que se preocupa principalmente com o seu bem estar espiritual. O amigo está sempre pronto a ajudar nos momentos que você mais precisa. Também nos momentos de dificuldade material. Porém, é uma amizade compromissada como a amizade que se deve ter primeiramente com Deus. Apoiando no que é certo, corrigindo no que é necessário e falando a verdade que precisa ser dita não para prejudicar, porém, para ajudar ou salvar a vida do irmão. “Suportemos uns aos outros em amor”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s